sábado, 2 de agosto de 2014

Presentes



Lembro-me da época em que minha avó me trazia presentes, sempre no natal, no meu aniversário e no aniversario de minha mãe, trazia sempre algo para as duas.

Os presentes que minha avó me dava eram sempre guardados com muito carinho, nunca usados, mas, sempre estavam comigo, nas minhas gavetas.
Coisas que não combinavam com minha personalidade, que não me cabiam, que estavam fora da moda, ou cores que me deixavam parecendo uma espiga de milho.

Interessante que a gente sempre guarda aquilo que ganha, poucas pessoas se desfazem logo de um presente indesejado. Talvez medo que a pessoa que deu pergunte algo sobre o objeto.

Hoje em dia temos a possibilidade de troca, se não serviu a cor não é legal e etc, podemos ir a loja onde foi comprada e troca.

Deus tem nos dado presentes, ainda que não merecesse Eles nos presenteia, o maior deles é o próprio Jesus, seu único filho a quem tanto amou, temos a salvação, temos o Espirito Santo, nosso consolador, auxiliador , temos a oração que é nosso canal direto com o Pai.

E Temos também os dons e a vocação que o Senhor nos deixou.

“Porque os dons e a vocação de Deus são sem arrependimento.” Romanos 11.29

Deus não se arrepende de ter nos dado, são presentes usados para presentear, abençoar outras pessoas.

Ganhamos os dons, coisas que sabemos fazer bem, que nascemos para fazê-las, para servir, ajudar de alguma forma a quem precisa com aquilo que só nós podemos fazer.

Muitos são vocacionados para trabalho ministerial, dentro de igrejas, como pastores, ministros e etc, também temos os missionários, pessoas que descobriram sua vocação em ir ao encontro de pessoas que ainda não conhece a Cristo.

Mas a vocação não esta compreendida somente nas atividades que carregam o nome da religião, mas esta para toda e qualquer trabalho, fazer uma coisa bem exige mais que esforço físico, exige muito da alma do cada indivíduo, exige muito daquilo que ele acredita ser a sua verdade.

Deus não se arrepende daquilo que nos deu, e o que não podemos fazer é guardar esses presentes de nosso Pai em gavetas, simplesmente tê-los conosco, temos que usa-los, explorar cada característica, cada habilidade que o próprio Criador colocou em nós  individualmente, com sua criatividade infinita fez cada pessoa para cada segundo a sua imagem mas com a sua individualidade.

Fazer bem o que quer que tenhamos que fazer, transmitindo o que há de melhor em nós, e o que a de melhor em cada um é Cristo Jesus, que reina nos nossos corações, que nos inspira, que nos motiva e que nos faz prosseguir mesmo que os dias de desanimo cheguem.
Pense nisso!! Você é vocacionado a fazer o que?

Juliana Viana

Nenhum comentário:

Postar um comentário