sexta-feira, 26 de setembro de 2014

6. Rocha que sustenta

Uma cruz. O Rei toma o lugar de maltrapilhos. Aquele que não tinha pecado foi condenado pelos pecados de todos. Era a mão do Pai pesando sobre o Filho e o Espírito sustentando a Cristo no maior momento de dor da história.

“Por volta da hora nona, clamou Jesus em alta voz, dizendo: Eli, Eli, lama sabactani? O que quer dizer: Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?” (Mt. 27:46)

O mesmo Espírito que sustentou Jesus até o último suspiro, contemplava a ascensão do Cristo ressurreto, e Ele veio habitar em nós.
Sim, o Sustentador veio habitar em nós, não estamos mais sós.

Tudo Novo
As coisas velhas já passaram,
Tudo se fez novo.
O maltrapilho se tornou morada.
O escravo se tornou livre.
Um novo caminhar,
Uma nova estrada: Santidade.
Um novo guia,
Um amigo que consola e sustenta.
Privilégio indizível:
Ele escolheu habitar em nós.


- Baseado em “Quem é o Espírito Santo” de Sinclair Ferguson

Nenhum comentário:

Postar um comentário